70 anos de ocupação

 

10805696_961691267194130_4225532460216015256_n

Na semana Retrasada o líder da autoridade palestina, Machmud Abas, fez um discurso, que causou grandes danos para a autoridade palestina afirmando para nós e parte do mundo que não tem com quem conversar. Machmud abas, para quem não sabe, tem um doutorado, onde ele fez um trabalho sobre negação do holocausto e como tudo isso não passava de uma conspiração dos malvados globalistas sionistas. Esse último agora, talvez por sua idade avançada e sua demência… afirmou em seu discurso que o Holocausto, sim aquilo que nunca aconteceu, foi por culpa dos judeus “pois” os judeus emprestaram dinheiro e cobravam muito juros. ainda bem que ele não acrescentou também que os judeus utilizavam sangue de crianças alemãs para fazer os matsot para pessach. Mas vamos falar a verdade, a autoridade palestina que esta em Ramallah, está perdendo sua luta internacional, pois quando atacam usando o terror contra os judeus em Israel não surtam mais efeito e perdem toda chance de ter qualquer forma de vida civilizada. Não por culpa de Israel que se defende, mas sim por causa dos líderes do mundo árabe que usam os “palestinos” como massa de manobra e uma frente de combate contra os judeus e os sionistas. Por esse motivo a fronteira com a Gaza está em total turbulência por causa do Hamas, já que ninguém se importa com eles e muito menos acreditam em suas mentiras. Precisam causar, fazer bagunça, aterrorizar para chamar atenção, sempre agem como o cara que faz bulling na escola. Meus pais e meus professores sempre me falaram a mesma coisa, quando tais crianças te incomodarem, “ignore, ignore que irão embora”. Israel ao invés de justificar sua existência, simplesmente ignora, e segue em frente. Mas vamos analisar o assunto pouco mais profundo, sim vou ignorar os “palestinos” mas vou tratar de Israel, sionismo e sobre a fundação do estado atual de Israel. Por que!? Segue lendo que você entenderá. Não vou tão longe como a época bíblica e dos rei,s quando o povo judeu já residiu na mesma terra que hoje é o estado de Israel, além de provas arquivológicas, e consenso mundial (menos os árabes e anti semitas), ninguém pode negar que israel é dos judeus e ainda ser levado a serio. Mas não vou pra esse lado, vou começar logo, já no inicio do seculo XX, em fevereiro de 1920, quando ocorreu a conferência de San Remo, que uniu os países que vencerem a primeira guerra mundial, posteriormente forma-se a liga das nações, e mais tarde a ONU. E lá em poucas palavras, os países como França Inglaterra e Itália, se dividiram entre eles, países que eram anteriormente parte do império Otomano. La formaram a Síria, Líbano, Jordânia, o Iraque e em outras palavras, dividiram os territórios entre os países colonialistas. O território chamado então “Palestina” ficou nas mãos dos britânicos sob o mandato britânico da terra de israel. Pulando pouco para frente, em dezembro de 1922, a liga das nações se reuniu, para formular oficialmente o documento válido legalmente sobre nosso contrato atual referente as terra de Israel, “O mandato da liga das nações para a terra de Israel”, (recomendo ler por conta própria sobre este assunto). foram declarados alem do direito e o reconhecimento de um estado judaico nesse território ( que é maior do que Israel de hoje), também a obrigação das nações reconhecer a assinatura da liga das nações, garantindo a segurança e o cumprimento desse mandato, podendo assim, os judeus formar um estado com fronteiras seguras e apoio internacional legal, no caso de necessidade de intervenção diplomático ( como vimos anos depois). Esse documento, contrato, ou Escritura de tereno como preferirem, não há como refutar, ou negar! Como Abraão, nosso patriarca comprou o território de Hebro de Efron, e o Jacó, que também comprou o de Siquem. Anos depois o rei Davi comprou Jerusalém, para não terem o que falar ou afirmarem que não é nosso território! Alem de comprar, temos a escritura, bíblica e legalizada! Agora, tanto no conferência de San Remo, como na reunião da liga das nações, mencionam algo sobre tal povo árabe “palestino” que hoje alega ter direito sobre toda a terra, e não aceita nem a divisão alguma para viver em paz? Para eles é tudo ou nada. Agora tenho uma pergunta que está sendo muito feita em israel e deve ser feita no mundo todo: Israel em 1994, depois do acordo de Oslo, deu autonomia para a autoridade palestina, nos territórios das cidades árabes, (Ramallah, belém, Jericó, Nablos e etc) e em 2005 Israel tirou toda presença judaica da facha de Gaza, até mesmo túmulos dos cemitérios foram retirados e enterrados em território israelense e mais, além a criação de um fundo internacional e toneladas de comida e todos tipos de materiais que Israel e o mundo doou, tanto para a faixa de Gaza como para a autoridade palestina. Hoje eles deveriam ser um ilha de prosperidade e avanço mundial, tipo Taiwan, Singapura, que são do mesmo tamanho. A pergunta é: Por que toda essa energia que eles possuem é direcionada para terror, ódio e mentira? Por que a culpa e é de Israel, se Israel cumpriu tudo que foi pedido a eles? Mas em troca só recebeu desgraça e terror! A verdade é que tanto o Hamas que é um braço do Irã e a Autoridade palestina que é um órgão de terror e ditadura sangrenta, na verdade enriqueceu a liderança em acima do sofrimento de seu próprio povo e culpa Israel para tentar esconder esses fatos e saírem por cima. Sempre os sionistas, sempre os judeus, enquanto eles pagam mesadas para terroristas e suas famílias de terroristas ( entre eles terroristas que matam crianças e bebes) eles promovem ódio e não querem fazer a paz!! Não se enganem, eles mesmo falam isso publicamente! Em árabe, mas vai que você conhece o idioma árabe? Difícil não é? Então fica condicionado as legendas não é mesmo? O manifesto do Hamas afirma que não existe paz com Israel e um dos artigos principais do manifesto é a destruição de Israel! E a Autoridade palestina não é diferente! Então entenda: o cara que faz bulling está perdendo! Ele precisa chamar atenção, mas ele precisa ser ignorado e deixado para trás, para ser esquecido nas paginas da história. Ninguem lembrará deles, da mesma forma que rei Davi derrotou os Filisteus (Povo finicio das ilhas da Grécia) que residiu em israel. Israel fará o mesmo. E a historia nem vai lembrar deles ,alem de seus restos arquivológicos. Para finalizar, você sabia que nome Filisteus que é dado na bíblia para esse povo finicio, na verdade não era realmente seu nome? Era um nome pejorativo traduzido corretamente como “Invasores” Interessante que os árabes (que na verdade eram mão de obra trazida pela britânia e a frança para trabalho) adotaram para eles o nome “Palestinos” – Invasores! Nada mais.

R. Dor Leon Attar

2 comentários em “70 anos de ocupação

  1. Os palestinos e todo os países Árabes tem que entender que Israel é controlado pelo Eterno todas as decisões de Israel são tomadas pela vontade do criador É inútil as nações Árabes guerrear contra Israel .
    Os governantes Árabes de cada país devem primeiro coloca ordem em seus países para dar para suas populações um modo de vida melhor .pois não é justo que morram crianças e mulheres inocentes por causa de uns radialistas que não buscam a paz com Israel e por isso sofre as consequências .
    Os líderes palestinos tem que prender os que apregoam a violência e o anti terrorismo no mundo começando pelo seus próprios países .
    Israel e o coração do mundo para todos os judeus

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s