6 mitos sobre vendas e um brinde

vampiros-emocionais-trabalho
O  que você pensa sobre vendas? o que vem na sua cabeça quando escuta a que se trata de vendas?!
1. “Eu não gosto de vendas”
 
Você já escutou isso? Provavelmente você mesmo já falou isso uma vez, não?
Mas, saiba duas coisas importantes: primeiro, se você “não gosta” de vendas é porque provavelmente tem uma imagem negativa na sua cabeça. Por exemplo: a vendedora na loja que tenta empurrar produtos para você ou aquele vendedor chato que fica ligando tentando vender algo que você não precisa e, muitas vezes, nem tem dinheiro para comprar. Porém, esses são casos extremos.
 
É preciso entender que tudo na vida e na sociedade em que vivemos envolve vendas. A todo momento há a relação entre vendedor e comprador. Quando você vai a escola e quer fazer amigos, qual ação tomar? Se vender. Ou melhor, vender a sua imagem. As provas na escola ou na faculdade e um namoro também contam com a habilidade em vendas. Para arrumar emprego e mantê-lo é preciso se vender todos os dias.
 
 
2. Vendas são uma ferramenta e não o objetivo
 
Para alcançar seus objetivos, lembre-se de que é preciso alavancar o seu poder, isso requer melhorar sua habilidade de vender. Para quase todas as atividades, é preciso dinheiro e a melhor forma de obtê-lo rapidamente é no ramo de vendas. Mas, se você é um prestador de serviços, as vendas aparecem como ferramenta para divulgar o seu trabalho e, consequentemente, melhorar o lucro.  Entenda que o mercado precisa de vendedores e vai pagar muito para aqueles que são bons nessa função.
 
Quando saí do exército,  falei para mim mesmo: “vou trabalhar em tudo, menos com vendas, detesto!”. Tive todos os preconceitos possíveis em relação a essa área, até que um dia um amigo me ligou dizendo que tinha uma proposta para eu ganhar bastante dinheiro. Ele explicou que tudo que eu precisava saber na vida era vender. A partir disso, entendi que para alcançar meus objetivos é preciso saber vender e, para isso, preciso tirar meus preconceitos sobre o assunto e me transformar na pessoa com a qual eu gostaria de comprar!
 
 
3. Ser um bom vendedor não significa ser chato ou vender qualquer coisa para qualquer um
 
Uma das lições que aprendi no mercado de vendas é que você só vai ganhar o que merece. Em outras palavras: você ganhará conforme o valor que agrega para o mercado! Ou seja, para ganhar mais, agregue mais valor ao mercado.
O que você tem a oferecer para o benefício do mundo? Por que alguém tem que comprar o seu produto e não o dos outros? Por que alguém tem que lhe contratar? Por que alguém gostaria de estar perto de você, ter contato profissional ou pessoal contigo?
 
Pode ser que você tenha um produto medíocre, ou um produto comum no mercado, mas entenda: quando você colocar as necessidades do seu cliente antes do desejo de ganhar dinheiro, fará fortunas!
 
Isso eu falo com mais detalhes no meu livro O segredo da prosperidade judaica.
 
 
4. O bom vendedor nunca fala “NÃO” para o cliente
 
A coisa que mais detesto quando ligo para um atendimento ao cliente, estou em uma loja ou tentando contratar algum serviço, é quando respondem “não” para algo que é possível.
 
Ao falar não para um possível cliente você, além de perdê-lo, acabou com as chances de indicações de um consumidor satisfeito que poderia trazer outros tantos.  Quando você fala “não”, cria uma onda negativa que provavelmente estragará a venda e até um relacionamento futuro.
 
Independente da dificuldade para conseguir o que o cliente quer, evite o “não” e troque por: “olha, deixa eu ver o que posso fazer para te ajudar. Caso não consiga, posso indicar um parceiro que poderá auxiliar da melhor forma”. Quando perceber que não consegue atender o desejo do cliente, indique alguém que consiga. É importante fazer parcerias com profissionais que podem contribuir para a sua clientela! 

5. Vendedor profissional ou profissional de vendas

 
Quando entramos em uma loja de eletrodomésticos ou concessionária de carros, logo aparece um vendedor e pergunta se precisamos de ajuda. Basta falar “sim” e o que está procurando para que ele comece a divulgar os melhores produtos e os mais caros, afinal, ele ganha comissão.
 
Eu faço apenas uma pergunta: “Meu amigo, você tem esse produto em casa?”. Se a resposta for “não”, então ele é um profissional de vendas que quer vender um produto porque irá ganhar comissão.
 
Mas, se ele responde para você que tem o mesmo carro em casa que está tentando vender, ele vive o que está falando, ou seja, não está apenas procurando vender, mas ter um parceiro que usufruirá da mesma experiência que ele vive! Esse é um vendedor profissional, não aquele que procura ganhar comissão, mas que vive o produto, vende a experiência e procura uma parceria e relacionamento com o cliente.

6. Como vender tudo para todos!


O sonho de todo vendedor, independente do ramo, é conseguir vender o seu produto para qualquer cliente. Isso só é possível se seguir os cinco passos anteriores. Mas, existe um segredo para conseguir vender o seu produto para qualquer pessoa: coloque o cliente antes do seu produto.
 
O que significa isso? Vou te mostrar por meio de um exemplo que apresento nas palestras e apresentações sobre o meu livro O segredo da prosperidade judaica.
 
Quando finalizo o evento, pergunto à plateia se alguém está interessado em comprar a obra e chamo para vir à frente. Pergunto: quanto você acredita que custa o livro? Quanto vale para você alcançar sua cura verdadeira e o equilíbrio físico e emocional? Tem algum valor? Quanto vale para você saber como quitar suas dívidas e alcançar a liberdade financeira? Tem algum valor? E, para finalizar, quanto vale, para você, descobrir sua missão na vida, o seu propósito para cumprir nesse mundo? Tem algum valor?! Agora, se eu falar para você que o livro vale R$ 1000,00, podendo parcelar dez vezes, valerá para você? Mas, não esquenta, custa R$ 49,90!
 
Nesse momento, a pessoa já esta com o livro pago. Pelo simples motivo de que mostrei o valor do meu produto. Sempre coloque o benefício do cliente antes da sua vontade de ganhar dinheiro.
 
E a última dica que fará fortunas: sempre dê mais para o cliente do que ele espera. BE LARGE (SEJA GRANDE)!
 
 
 
 

R. Dor Leon Attar – Nascido em  Israel, R. Dor Leon Attar é sargento da reserva da Força de Defesa Israelense, é empresário investidor em várias áreas de atuação. É também escritor, além de formado em acupuntura Coreana e medicina chinesa. Dor Leon é um palestrante transformador, pois realiza diversos eventos em todo Brasil tendo como assunto central temas unicamente relativos ao judaísmo e Mentalidade Positiva Judaica, assuntos nos quais R. Dor Leon é treinador especialista e tem ajudado milhares de pessoas em todo o Brasil a conhecerem profundamente o verdadeiro judaísmo e a transformarem suas vidas. Residente no Brasil há mais de dez anos, tendo já obtido a cidadania brasileira, é supervisor na Empresa Herbalife, e fundador da Associação Judaísmo em Ação, que tem por finalidade de promover a verdade sobre o judaísmo e a sabedoria milenar judaica.

2 comentários em “6 mitos sobre vendas e um brinde

  1. Shavua tov rav, desde Portugal
    Muito bom o artigo assim como os vídeos.
    O sr. É directo e assertivo.
    Shalom

    Pode mandar o livro para Portugal?

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s